• qui. out 21st, 2021

NOTÍCIAS QUE FAZEM BEM

Porque o bem merece cometários

Restaurante americano cria rede de solidariedade entre clientes e oferece refeições grátis para quem precisa

Bydaianelealcosta

mar 12, 2021

Uma coisa não podemos negar: se tem um ensinamento que a pandemia tem deixado é sobre a importância da solidariedade em períodos de crise. O restaurante Perfectly Frank, que fica na Virgínia (EUA), já entendeu isso e criou uma maneira de oferecer refeições gratuitas para todos que estiverem enfrentando dificuldades financeiras.

Funciona assim: qualquer cliente pode, na hora de pagar pela sua refeição, doar qualquer quantia em dinheiro. Depois de pagar a conta no caixa, ele ganha uma espécie de voucher e pendura ele mesmo em um quadro. Assim, quem estiver com fome e quiser comer pode pegar um, sem perguntas, e trocar por uma refeição. Genial, não?!

Restaurante americano cria rede de solidariedade entre clientes e oferece refeições grátis para quem precisa 1
Foto: Tarah Morris

Tarah Morris, proprietária do restaurante há quase 16 anos, disse que a ideia surgiu depois que uma pessoa doou US$ 100 para cada membro de sua equipe de 15 pessoas. “Sentimos que precisávamos fazer nossa parte”, disse.

Apelidado de “Franks for Friends”, o quadro dentro do restaurante mostra uma série de refeições em potencial já pagas pelos clientes, sendo que cada uma custa em média US$ 10. Lá você pode ver mensagens de gentileza como: “Se você quer mais gentileza no mundo, coloque-a lá”.

restaurante refeicoes gratis 2
Foto: Tarah Morris

“Nós nem mesmo sentimos que estamos fazendo alguma coisa”, afirma Morris. “Os clientes estão doando dinheiro para que possamos comprar refeições para as pessoas necessitadas”. A iniciativa funciona como se fosse uma vaquinha, os clientes doam a quantia de dinheiro que puderem, e o restaurante reverte essa quantia em refeições gratuitas para famílias em situação de vulnerabilidade.

O mais incrível é que o restaurante foi capaz de criar uma verdadeira rede de solidariedade. E não é porque podem comer sem pagar, que as pessoas abusam! “Não houve relatos de ninguém se aproveitando da situação”, completa.

Fonte: MSN

Deixe uma resposta