• ter. jun 22nd, 2021

NOTÍCIAS QUE FAZEM BEM

Porque o bem merece cometários

Islândia é o primeiro país europeu a controlar o coronavírus

Bydaianelealcosta

abr 6, 2021

São momentos como esses que nos deixam mais esperançosos com o fim da pandemia. Recentemente, o governo da Islândia comemorou o controle dos casos de coronavírus no país.

Sabendo que os riscos de lockdown são nulos, as autoridades locais autorizaram a reabertura de parte do comércio. A cidade inteira comemora o momento!

A Islândia sempre foi um exemplo para outros países. Durante a pandemia, o Estado registrou apenas 29 mortes. Hoje há somente 1 paciente internado com Covid-19 e sem agravamento na saúde.

Medidas de controle

O grande segredo para a Islândia comemorar hoje o controle da pandemia está na prevenção. Uma equipe foi organizada para atuar com os casos de coronavírus antes mesmo do primeiro contágio ser identificado no país.

Toda a população foi testada e os casos positivos eram isolados em um hotel da cidade. Após a reabertura do aeroporto, os visitantes que desembarcam no país também são colocados em quarentena e testados.

Cientistas no controle

Thorolfur Gudnason, epidemiologista-chefe da Islândia, conta a abertura dada aos cientistas também foi essencial para o controle. “Vinha me preparando para esta pandemia havia 15 anos”, diz Thorolfur.

A cada passo, a Islândia foi guiada pela ciência, encabeçada por Thorolfur e sua equipe. Os políticos sequer participavam dos boletins diários relacionados à pandemia.

Em Reykjavik, capital do país, está a sede de uma das principais empresas de genética do mundo, a deCODE Genetics. A empresa cedeu os laboratórios de última geração para fazer o acompanhamento dos casos de covid-19.

Kari Stefansson, presidente da organização, diz que a participação da empresa é essencial neste momento e, por isso, fez questão de ceder os laboratórios.

Desde então, a equipe sequenciou todos os casos positivos de covid, para entender como o vírus estava espalhando e mutando. Como o vírus sofre mutação a cada quatro transmissões, em 25% dos casos eles conseguem identificar qual paciente infectou quem.

Agora o país quer manter o controle da doença até o final da pandemia em outros países. Como recebem turistas frequentemente, ainda não dá para abrir todos os bares e restaurantes. Isso tornaria o controle de festas – e contaminações – impossível.

Que exemplo!

O hotel do isolamento na Islândia: local chegou a ser fechado, mas, quando o vírus voltou, ele reabriu - e segue aberto até hoje. - Foto: reprodução
O hotel do isolamento na Islândia: local chegou a ser fechado, mas, quando o vírus voltou, ele reabriu – e segue aberto até hoje. – Foto: reprodução
Cientistas da deCODE genetics são vistos trabalhando no laboratório em Reykjavik. - Foto: AFP/Arquivos
Cientistas da deCODE genetics são vistos trabalhando no laboratório em Reykjavik. – Foto: AFP/Arquivos

Deixe uma resposta