• sex. jun 18th, 2021

NOTÍCIAS QUE FAZEM BEM

Porque o bem merece cometários

Mãe solo adota 81 bebês ao longo dos anos

Bydaianelealcosta

abr 28, 2021

Uma mulher solteira Hayward, na Califórnia, já foi mãe de mais de 80 bebês ao longo dos anos, num trabalho conhecido como “mãe de recursos”, nos EUA.

Linda Owens, de 78 anos, cuidou de uma menina de 7 semanas desde que ela deixou o hospital recém-nascida. Ela é a 81ª criança que Owens trouxe para sua casa em 34 anos.

É uma espécie de trabalho de transição até que os bebês estejam bem para adoção.

“É um trabalho desafiador, mas muito gratificante”, disse Owens. A gerente aposentada de uma mercearia cria os bebês como mãe solo. Às vezes, ela cuida de dois bebês ao mesmo tempo.

Amor

Ela mesma compra com o próprio dinheiro roupas e acessórios para os bebês, mesmo sendo paga para o trabalho no orfanato.

Linda diz que é preciso ter amor acima de tudo.

“Foi para isso que Deus me deu um presente”, disse Owens, que adora cuidar de bebês desde a infância.

Vários recém-nascidos chegam vitimas de pais usuários de drogas. Alguns apresentam atrasos no desenvolvimento. Muitos não dormem a noite toda.

Mia Buckner-Preston é a Diretora da Divisão de Colocação do Departamento de Serviços para Crianças e Família do Condado de Alameda, que coloca crianças em lares adotivos.

“A experiência dela, o cuidado e o amor que ela oferece aos bebês são incomensuráveis, disse Buckner-Preston., disse Buckner-Preston.

“Ela sempre foi muito otimista, sempre determinada a dar a esses bebês o melhor início de vida possível”, conta a pediatra, Dra. Mika Hiramatsu.

Crescidos

A mãe de aluguel se lembra de todos eles. A mais velha tem agora 37 anos. Ela também cuidou de três pares de gêmeos.

Ao se despedir de cada bebê que cuida, Linda Owens tem sempre o mesmo desejo.

“Posso lhe dar um beijo na testa e desejar o melhor a ela e dizer: ‘Eu te amo’”.

Por causa desse trabalho, em mais de 30 anos como mãe de recursos, Owens ganhou o Prêmio Jefferson, dedicado a esta causa no cuidado e amor a crianças deixadas para adoção.

Com informações da CBS

Deixe uma resposta