• dom. jun 20th, 2021

NOTÍCIAS QUE FAZEM BEM

Porque o bem merece cometários

Projeto leva aulas de robótica e programação a alunos de escola pública na periferia de SP

Bydaianelealcosta

maio 4, 2021

Quando a gente pensa em aulas de robótica e programação, a associação com colégios particulares é quase imediata. De fato, não é uma impressão errada. Falamos de conteúdos ainda muito restritos ao ensino privado e a escolas técnicas.

É aí que entra o Aprendizes – Digital, um projeto da Muda Cultural, que democratiza o acesso a esse conhecimento para alunos da E.E. Prof. Sebastião de Souza Bueno, no bairro Vila Medeiros, Zona Norte de São Paulo. Assim, a proposta é despertar nos estudantes o interesse por profissões na área de tecnologia.

alunos manuseando peças robô aula robótica programação escola pública
Foto: Nego Júnior

“As profissões na área da tecnologia têm crescido muito nos últimos anos e acreditamos no potencial lúdico das oficinas para inspirar os participantes na procura por esses postos de trabalho”, conta Ítalo Azevedo, Gestor da Muda Cultural.

E isso tem acontecido! O interesse do Cayo Fillipe Teixeira pela área só aumentou desde o início das aulas. “Sempre tive interesse em trabalhar com tecnologia e a robótica só fez aumentar essa vontade”, diz. E ele conta com o incentivo dos pais: “Acham bastante interessante, porque é uma profissão do futuro”.

O material usado nas oficinas, ministradas pela Robomind, é o LEGO EV3 Mindstorm, que permite aos estudantes produzir o próprio robô. Usando um notebook – também fornecido pelo projeto –, a garotada programa os comandos que irão movimentar a criação.

As aulas são semanais, com duração de 1h30 e serão ofertadas até novembro. Mais de 100 alunos serão distribuídos em sete turmas da oficina a cada semana

professor aula robótica orienta alunos construção robô escola pública
Foto: Nego Júnior

A ideia é que os alunos continuem explorando o universo da robótica no próximo ano letivo. Por isso, mensalmente, o Aprendizes – Digital vai oferecer um curso de formação para os professores, além da doação dos kits e laptops para a instituição que ajudará na continuidade do projeto no ano seguinte.

Além disso, todas as instalações de artes visuais produzidas ao longo do ano, com base no conhecimento adquirido, sob coordenação da coordenadora pedagógica, Luciana Nobre, serão expostas em uma atividade no final do ano para pais e alunos.

Esse projeto incrível é viabilizado através do Programa Municipal de Apoio a Projetos Culturais (Pro-Mac), que permite que empresas invistam em projetos socioculturais por meio da dedução de IPTU e ISS.

protótipo robô sobre mesa aula robótica programação escola pública
Foto: Nego Júnior

O Aprendiz – Digital tem o patrocínio da ClearSale, empresa especializada em soluções antifraude, além de contar com a parceria da Rhadar Cultural e da Robomind.

“Escolhemos esse projeto justamente por ampliar o acesso a esses temas a mais crianças e jovens, e assim despertar neles o interesse e potencial para a tecnologia, que é e certamente seguirá sendo um dos setores mais aquecidos da economia”, afirma Leonardo Ferraz, Head de Pessoas da ClearSale.

robô construído estudantes aulas robótica escola pública
Foto: Nego Júnior

André Luiz, diretor pedagógico da E.E. Prof. Sebastião de Souza Bueno, comemora: “As expectativas são as melhores possíveis, os alunos estão encantados e empolgados com o processo de construção do robô, conseguir dar a vida às peças, é como se fosse mágica para eles”.

Durante as últimas semanas, seguindo as recomendações da prefeitura de São Paulo, as aulas sobre programação foram realizadas de forma online. Com a reabertura da escola, adotando todos os protocolos de segurança contra a Covid-19, o projeto será realizado de forma presencial.

Deixe uma resposta