• qua. jun 23rd, 2021

NOTÍCIAS QUE FAZEM BEM

Porque o bem merece cometários

Aos 29, mulher adota jovens de 20, 18 e 16 anos que foram abandonados

Bydaianelealcosta

maio 18, 2021

Família tem diversos formatos e, por isso, entende todo tipo de amor. A Casey Douglas é um exemplo disso. Aos 29 anos, ela decidiu adotar três jovens, de 16, 18 e 20 anos, que foram abandonados em um abrigo.

Essa jovem mãe conta que aprende todos os dias com os filhos e disse que só agradece o destino por tê-los colocado em uma mesma família.

O processo de adoção teve início em 2017 e durou quase 2 anos. Neste período Casey precisou enfrentar dificuldades jurídicas – pois a achavam jovem demais – além do preconceito da comunidade cristã, a qual faz parte.

Adoção nunca foi um plano B  

Casey e o marido, Phillip, sempre souberam que queriam ter filhos adotivos. Eles resolveram não ter filhos biológicos e, segundo a mãe, esse foi o primeiro obstáculo enfrentado pelo casal.

Os dois são pastores e, para a comunidade cristã deles, em Atena, Texas (EUA), “isso era considerado um desperdício”, lembra a jovem mãe.

Eles já tinham duas meninas em casa, que são filhas do primeiro casamento de Phillip, mas queriam ter os próprios filhos.

Idade não era critério

Casey e Phillip tinham uma coisa certa em mente: a idade não seria um critério de escolha no processo de adoção.

Eles queriam filhos e acreditavam que, independente da faixa etária, o importante era o reconhecimento como família.

E foi assim que veio o primeiro filho do casal, Randall, hoje com 20 anos. Como já estavam inscritos para lista de adoção, eles receberam uma ligação da assistente social, informando que tinha um jovem abandonado pelos pais.

“Ele só tinha uma vara de pescar e duas sacolas de roupas. Quando ele chegou, foi como se todo o meu coração entrasse por aquela porta. Eu sabia que ele estava destinado a ser meu filho”, contou a mãe.

A adoção de Randall aconteceu em 2017 e isso motivou Casey a ter mais dois jovens em casa. Foi quando conheceram, no mesmo ano, dois outros garotos. Tim e Damon, de 18 e 16 anos respectivamente, foram vítimas de abandono e abuso de drogas.

O processo para adoção não foi nada fácil. Casey enfrentou diversas burocracias e uma delas foi gerada pela pouca idade para ser mãe de jovens naquelas faixas etárias.

Em 2019 Casey conseguiu finalizar todo o processo e disse que tem muito orgulho da família que construiu.

“Eu sempre digo às pessoas que nossas vidas são como uma comédia sendo filmada durante um furacão e de alguma forma todos estão pegando fogo. Alguns dias são um caos puro. Alguns são divertidos. Alguns são normais. Eu amo criar adolescentes. Isso me mudou profundamente”.

Família. – Foto: Metro
Família. - Foto: Metro
Família. – Foto: Metro

Com informações de Metro.

Deixe uma resposta