• ter. dez 7th, 2021

NOTÍCIAS QUE FAZEM BEM

Porque o bem merece cometários

Dinamarquesa muda a vida de centenas de crianças africanas abandonadas, com lar e estudo

Bydaianelealcosta

jul 9, 2021

Esta dinamarquesa tem desenvolvido um trabalho incrível, que devolve a esperança e a alegria a muitas crianças vítimas de condições de vida muito difíceis. Confira!

Anja Ringgren Lovén é um ser humano incrível, que desenvolve um trabalho admirável com crianças abandonadas e nos mostra que a bondade verdadeira ainda existe em nosso mundo.

Em entrevista ao site Vanguard, ela contou sua história. Em 2008, Anja, que sempre esteve envolvida em causas importantes em países como Malawi e Tanzânia, estava em seu país natal, Dinamarca, assistindo a um documentário sobre as crianças africanas vítimas de violência provocada pelas superstições.

Comovida com a realidade dos pequenos, ela começou um movimento especial para ajudá-los. Como pontapé inicial, criou uma ONG para despertar a consciência sobre o perigo das superstições na África, em especial na Nigéria, e em 2013 se mudou para o país, a fim de conhecer sua situação e desenvolver o seu trabalho por lá.

Junto com o marido David Umem, em todos esses anos, ela resgatou centenas de crianças e construiu o que foi descrito como o maior centro infantil da África Ocidental, popularmente conhecido como “Land of Hope” (“Terra da Esperança”, em tradução literal), em Akwa Ibom.

Há alguns anos, ela ficou mundialmente conhecida por resgatar um menino em estado muito triste de desnutrição e mudado a sua realidade com muito amor e dedicação. Já contamos esse caso por aqui.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@landofhope.

Através de sua organização, Anja trabalha para promover e proteger os direitos e o bem-estar das crianças e jovens africanos. Ela mobiliza recursos e pessoas para cuidar dos interesses dos pequenos africanos e defendê-los de todas as formas de abuso. Ao longo dos anos, já resgatou, abrigou e ofereceu educação a mais de 200 crianças sem-teto.

Alguns dos jovens foram reintegrados à sociedade, enquanto outros permanecem sob seus cuidados, nas dependências que contam com hospital, centro de treinamento profissionalizante, biblioteca, parlamento infantil, instalações esportivas, recreativas entre outras.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@landofhope.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@landofhope.

Seu grande desejo é criar uma sociedade livre das superstições que prejudicam a vida das crianças do país. No entanto, apesar de todas as tristes realidades e dos problemas que testemunha diariamente, ela revela que ama a Nigéria e que as pessoas de lá são trabalhadoras, amigáveis e de fé, mesmo com todos os desafios.

Apaixonada pela sua causa, Anja afirma que o país africano precisa de mais ativistas de direitos humanos para lutar contra as injustiças. O trabalho que a dinamarquesa tem desenvolvido é incrível, cheio de amor e muita dedicação. Através do seu esforço, muitos africanos têm-se libertado de uma vida de desesperança e descoberto que podem ser felizes e amados como são.

Que o seu grande exemplo permaneça em nossos corações e nos incentive a também espalhar o bem da maneira que pudermos. Toda a nossa admiração a essa grande heroína!

Deixe uma resposta